Buscar
  • lupuscare

7 dicas para pacientes recém-diagnosticados com lúpus


Se você foi diagnosticado com lúpus recentemente, é compreensível se você se sentir sobrecarregado. Novos termos, novos testes, novos medicamentos e novos médicos forçam você a um novo mundo. Abaixo estão apenas algumas mudanças de estilo de vida que podem ajudá-lo a gerenciar sua jornada em um futuro melhor. Aqui estão sete dicas:

1) PESQUISE TUDO SOBRE A DOENÇA

Arme-se com o máximo de informação possível sobre o lúpus. Isso ajudará você a reconhecer rapidamente quaisquer novos sintomas para que você possa informar seu médico imediatamente e obter tratamento. Quanto mais você se educar sobre essa condição, melhor poderá viver com ela. Encontre informações de fontes confiáveis ​​e tente acompanhar novos dados sobre o lúpus, como ensaios clínicos, novos medicamentos e terapias.

2) MANTENHA UMA DIETA EQUILIBRADA

Manter uma dieta bem equilibrada é bom para todos, mas particularmente importante para pacientes com lúpus. Evite alimentos ricos em gordura, açúcar e alimentos processados. Coma muitos alimentos frescos e vegetais, proteínas e cereais integrais. Sempre beba muita água.

3) PRATIQUE EXERCÍCIOS LEVES

Exercícios leves são recomendados para pacientes com lúpus, especialmente atividades como caminhada e natação. Yoga também pode ser benéfico. No entanto, é importante não exagerar - exercícios extenuantes, como correr, podem ser contraprodutivos se você não estiver se sentindo bem.

4) DESCANSE

A fadiga pode ser um sintoma importante do lúpus, portanto, garantir que você tenha descanso suficiente é importante. Boa qualidade de sono é vital para a saúde geral. Se você se sentir cansado durante o dia, tire uma soneca, se possível. Não se esforce muito se você estiver no meio de um surto.

5) EVITE SE EXPOR AOS RAIOS SOLARES

Muitos pacientes com lúpus reagem mal aos raios UV do sol, por isso é importante ficar fora do sol o máximo possível. Quando você sair, use um filtro solar de alto fator e cubra com roupas de filtro UV. Lembre-se de que os raios do sol penetram nas nuvens e nas janelas também.

6) CONSCIENTIZE SUA FAMÍLIA E AMIGOS

Você precisa educar sua família e amigos sobre a doença que é freqüentemente descrita como “invisível”. É importante que eles saibam por que você se sente terrível mesmo quando eles (e você) acham que você está ótima. A família e os amigos poderão apoiá-lo e ajudá-lo nos maus momentos

7) EVITE A DEPRESSÃO

Tal como acontece com muitas doenças crônicas, os pacientes com lúpus são mais propensos a surtos de depressão. Cuidar da sua saúde mental é tão importante quanto cuidar da sua saúde física. Tenha uma boa rede de apoio de familiares e amigos e participe de fóruns e grupos on-line para pacientes com lúpus que entenderão de primeira mão o que você está passando. Participar de atividades que você gosta e socializar com as pessoas que você gosta pode ajudar a afastar sua mente de sua condição. Fale com seu médico se você se sentir deprimido - nunca sofra em silêncio.


0 visualização

Seguir

Av Epitácio Pessoa - Lagoa

Rio de Janeiro - RJ - Brasil

Tel: (21) 2266 - 1794

E-mail: contato@lupuscare.com.br

  • Instagram ícone social
  • Wix Facebook page