February 17, 2020

A terapia da escrita  tem como objetivo uma reflexão para uma maior saúde e bem-estar mental, física, emocional e espiritual. Ela oferece um meio eficaz de fornecer foco e clareza a questões, preocupações, conflitos e confusões. Na prática, é o ato de escrever pensamentos e sentimentos para resolver problemas e chegar a um entendimento mais profundo de si mesmo ou dos problemas da vida. Ao contrário da escrita do diário tradicional, onde os eventos diários e os acontecimentos são registrados do ponto de vista externo, a terapia da escrita se concentra nas experiências, reações e percepções internas do escritor. Através deste ato de ler literalmente sua própria mente, o escritor é capaz de perceber as experiências com mais clareza e, assim, sente um alívio da tensão. Isso demonstrou ter benefícios para a saúde mental e física.

January 28, 2018

Lúpus pode ser inicialmente diagnosticado em consulta odontológica.

Por se tratar de uma doença multissistêmica, o lúpus pode afetar diversas regiões do corpo humano. Na medicina, o problema é classificado como autoimune, ou seja, ocorre porque o sistema imunológico ataca as regiões saudáveis do tecido do corpo. Na boca, o lúpus pode manifestar seus primeiros sintomas em complicações como feridas avermelhadas na mucosa bucal, úlceras orais e dificuldade em movimentar a mandíbula. Segundo a professora de odontologia da Unoeste (SP), Cristiane do Amaral, os casos em que o diagnóstico inicial do lúpus se dá em uma avaliação odontológica não são maioria, mas costumam ocorrer quando o paciente já esteja com baixa imunidade. "Cerca de 45% das pessoas com a enfermidade podem ter exacerbações na boca", afirma a dentista.

January 28, 2018

No caso de pessoas com o vírus HIV, doenças autoimunes, como psoríase e lúpus, e as transplantadas não é recomendado a vacinação, pois há o risco de piora e até morte.

 O risco de complicações é muito grande, pois a resposta do sistema imunológico é baixa.


January 28, 2018

A taxa de mortalidade por LES no Brasil foi de 4,76 mortes/105 habitantes. A taxa de mortalidade foi maior nas regiões Centro‐Oeste, Norte e Sudeste do que no país como um todo. Houve 6,3% menos e 4,2% mais mortes do que o esperado nas regiões Nordeste e Sudeste, respectivamente. A média de idade ao óbito foi de 40,7 ± 18 anos e 45,61% dos óbitos ocorreram entre 20 e 39 anos. A incidência foi maior nas mulheres (90,7%) e nos brancos (49,2%). Os distúrbios do sistema musculoesquelético e do tecido conjuntivo foram mencionados como a causa subjacente de morte em 77,5% dos casos; também foram observadas doenças do sistema circulatório e infecciosas e parasitárias, embora em menor frequência. O LES foi mencionado como a causa subjacente de óbito em 77% dos casos, sem diferença entre as regiões brasileiras (p = 0,2058). As principais causas de morte associadas ao LES foram, em ordem, doenças dos sistemas respiratório e circulatório e doenças infecciosas e parasitárias

1 / 1

Please reload

Seguir

Av Epitácio Pessoa - Lagoa

Rio de Janeiro - RJ - Brasil

Tel: (21) 2266 - 1794

E-mail: contato@lupuscare.com.br

  • Instagram ícone social
  • Wix Facebook page